facebook
...
Joselito Müller | Jornalismo Destemido
Joselito Müller | Jornalismo Destemido

Globo exibirá versão LGBT de seriados Chaves e Chapolin

0 2.754

PROJAC – Após adquirir direitos de transmissão dos clássicos Chaves e Chapolin – derrotando o SBT que transmitia os seriados antes mesmo da TV ser inventada – a Rede Globo anunciou na tarde de hoje que não colocará no ar os episódios que já foram assistidos repetidas vezes por várias gerações de brasileiros.

Não está dentro do padrão Globo de televisão colocar no ar uma atração que já foi exibida várias e várias vezes”, declarou Anastácio Marinho.

Ele esclarece, no entanto, que o contrato de transmissão dos seriados garante à Rede Globo o direito de filmar novos episódios.

Vamos fazer uma versão mais moderna da atração, na qual abordaremos questões de gênero, homossexualismo, preconceito e violência doméstica. Os personagens, ao contrário da versão mexicana, não farão bullying um com o outro, e o protagonista será usado para sensibilizar o espectador para a questão das crianças em situação de rua.”

Na nova versão, alguns personagens terão outras funções na trama.

“O professor Girafales será um educador engajado, que adotará o método Paulo Freire para alfabetizar os alunos e conscientizá-los de seus papéis como cidadãos. O Kiko adquire consciência política e acaba se engajando no movimento estudantil secundarista e adere ao poliamor quando descobre que sua namorada, a Chiquinha, está tendo um relacionamento paralelo com o Chaves”, explica Anastácio.

O ponto alto da trama se dá, no entanto, quando é revelado o segredo de Seu Madruga.

“O Chaves é internado na FEBEM por agredir o Seu Barriga e lá ele acaba sendo recrutado por uma gang de traficantes mexicanos, onde conhece antigos comparsas do Seu Madruga, que havia sido preso por matar a esposa, mãe da Chiquinha, e recomeçou uma nova vida quando conseguiu a progressão da pena para o regime semiaberto.”

Anastácio explica que, por ser ex-presidiário, Seu Madruga não consegue emprego, o que o leva a trabalhar no mercado informal como vendedor de churros, fotógrafo e carpinteiro.

Os seriados ainda não têm data para entrarem no ar.

Para o papel de Chaves, está sendo cotado o ator Pedro Cardozo e para Chiquinha, o provável nome é a atriz Cléo Pires.

O apresentador Ratinho, do SBT, criticou a ideia apresentado pela Globo, alegando que “nesse seriado não tem veado, não”.

O Ministério Público notificou Ratinho para que ele apresente esclarecimentos sobre sua declaração.

Comentários
Carregando...

Esta é uma loja de demonstração para fins de teste - As compras realizadas por enquanto não são válidas. Dispensar

%d blogueiros gostam disto: