BRASÍLIA – Um projeto de lei de autoria ainda não revelada pretende isentar do pagamento de imposto de renda homens que derem a bunda ao menos uma vez ao ano.

Segundo um trecho da justificativa do projeto, “o objetivo é fazer com que mais pessoas saiam do armário, bem como combater a homofobia”.

A informação sobre a veracidade do projeto ainda não foi confirmada pela Câmara nem pelo Senado.

Nossa equipe teve acesso a tal informação numa conversa informal na porta de um bar na Asa Norte, onde um primo de um ex-segurança da Câmara Federal vende churrasquinho.

Segundo fomos informados, “é bem possível que em pouco tempo todo mundo seja obrigado a fazer isso (dar a bunda) para provar que não é homofóbico”.

Nossa equipe tentou entrar em contato com algum parlamentar, mas como hoje é sexta-feira, não encontrou ninguém na Casa.

2 COMMENTS

Deixe uma resposta