PORTO ALEGRE – Preso na tarde de ontem sob alegação de traficar drogas, o ex-marido da deputada federal Maria do Rosário, PT/RS, declarou que não pensa em reatar com a petista.

Segundo ele, Rosário, que é famosa por defender os direitos humanos, o procurou ao saber da prisão, mas ele descartou qualquer possibilidade de reaproximação.

Ele explicou que já foi casado com a deputada, que na época era militante do movimento estudantil, mas que “embora tenha muitas afinidades ideológicas”, não pensa em reatar com ela.

“Ela era muito ciumenta e só queria viver em assembleia de DCE e reunião de sindicato. Eu preferia passar meu tempo fazendo coisas mais interessantes, como transar, por exemplo ”, diz o traficante.

Ele revelou também que “hoje em dia, depois que rompi com ela, decidi usar drogas menos pesadas. Não penso em voltar com ela, prefiro o crack”.

Nossa equipe entrou em contato com a assessoria da deputada, que declarou que “não tem nada contra quem fuma crack e que é necessário adotar políticas públicas para dependentes serem reinseridos em sociedade.”

1 COMMENT

  1. Foi casado com ela no início dos anos 80. Até a Veja foi mais honesta do que esse pardieiro….

Deixe uma resposta