BRASÍLIA – A publicação, no site do governo federal, de uma doação de 10 toneladas de mortadela para a Organização Não Governamental “Brasil contra o golpe”, assustou vários internautas no início da tarde de hoje.

O fato, que é deveras estranho, tem repercutido bastante nas redes sociais desde sua divulgação, suscitando especulações, já que ocorreu justamente na véspera do ato em defesa do governo Dilma Rousseff.

“Vocês não acham muita coincidência essa doação de mortadela acontecer justo na véspera dos protestos em defesa do Governo?”, questionou um internauta.

Parlamentares de oposição falaram sobre o assunto, muitos dos quais rememorando que há poucos dias o governo financiou um ato em apoio à presidente Dilma, no qual culminou com um encontro entre a presidente e “representantes dos movimentos sociais.”

Na ocasião, o presidente da Central Única dos Trabalhadores (sic) prometeu pegar em armas para defender o governo de Dilma Rousseff.

“Já financiaram essa vergonhosa marcha outro dia, agora tão doando pão com mortadela para esses passa fome irem apoiar o governo?”, questionou o deputado Marcolino Jaguatirica, do PP no C.

Ninguém da presidência quis se manifestar sobre a doação.

Já os oposicionistas informam que “estamos investigando o episódio e, caso se confirme a hipótese de que a mortadela tem como destinatários os militantes pró Dilma, será caso para Impeachment.”

SHARE
Previous articleHaddad decreta que só marginais trafeguem nas marginais em São Paulo
Next articleDesarmamentista diz sofrer ameaças por ameaçar usar armas contra opositores
Joselito Müller é um personagem fictício que retrata as notícias do cotidiano. Numa classificação, seria um super-herói defensor dos… Defensor de nada, Joselito Muller é um personagem fictício que faz paródia de figuras públicas em situações cômicas. Nada é neste site é verdade, mas poderia ser. Além do charme, Joselito Müller é um competente jornalista, pioneiro no jornalismo de ficção brasileiro. Foi eleito três vezes consecutivas como um dos maiores filhos da puta da América Latina, além de ter sido indicado para o Pulitzer de reportagem mais escrota em 2013 e 2014.

4 COMMENTS

  1. Será que esta mortadela também não estava superfaturada, com o tradicional 3% de pixuleco para o Partido dos Trabalhadores (sic) ?

  2. Acho que não deram tanta mortadela! Tinha pouca gente. O resto desviaram pras contas off short!!!

  3. Se o ‘véio’ Lula, que já fez um ‘upgrade’ ( alguém, por favor, explique aos Doutor ‘Honoris Causa’ o significado da expressão) de mortadela para presunto de parma há muito tempo, nem apareceu no ‘churrasco’ do seu próprio instituto, quanto mais os militantes… Vai às manifestações da esquerda, hoje, quem não gosta de multidões, quem curte ficar na solidão. Ah, quer saber, mesmo a esquerda festiva, quando estava ‘tudo beleza’ pra eles, só dava risada na hora errada. É muito deprimente. Certo tá o ‘véio’ Lula, eu também só aguentaria conviver com essa patuléia com a cara cheia de cachaça.

  4. Não gosto de mortadela. Se distribuíssem pão com salame italiano eu iria a uma passeata a favor do PT. Mas só se fosse para o ato em ônibus com ar refrigerado fretado pela CUT. E nada de R$ 35,00. Cobro R$ 50,00 por ato político.

Deixe uma resposta