PYONGYANG – Sem aparecer em público há vários dias, o presidente mais popular do mundo, que conta com apoio de cem por cento de seu povo, Kim Jong-Un usou o canal estatal norte-coreano na manhã de hoje para fazer um anúncio inesperado.

Kim anunciou que pretende deixar seu cargo de presidente e ir morar em uma comunidade hippie, onde fará artesanato para vender na praia, bem como pretende aprender a fazer malabarismo para ganhar dinheiro nos sinais de trânsito dos grandes centros urbanos.

A decisão, segundo o próprio líder, foi motivada por uma paixão repentina que o acometeu. “Me apaixonei por uma hippie e decidi mudar de vida. Esse negócio de presidir um país é algo muito estressante. Vou ter uma vida ais tranquila e virar um cara paz e amor”, afirmou.

A sortuda por quem Kim se apaixonou não teve o nome, nem a nacionalidade revelados, embora tenha sido fotografada ao lado do seu amado.

Fontes pouco confiáveis próximas a Kim revelaram que ele foi flagrado escutando reggae dentro de seu gabinete, suscitando comentários tais como “esses hippongas modernetes são uma bosta mesmo.”

SHARE
Previous articleCavalo de Broke Back Mountain revela que não gostou de ser montado
Next articleDenatran obriga homossexuais passivos a instalarem sirene de ré
Joselito Müller é um personagem fictício que retrata as notícias do cotidiano. Numa classificação, seria um super-herói defensor dos… Defensor de nada, Joselito Muller é um personagem fictício que faz paródia de figuras públicas em situações cômicas. Nada é neste site é verdade, mas poderia ser. Além do charme, Joselito Müller é um competente jornalista, pioneiro no jornalismo de ficção brasileiro. Foi eleito três vezes consecutivas como um dos maiores filhos da puta da América Latina, além de ter sido indicado para o Pulitzer de reportagem mais escrota em 2013 e 2014.

Deixe uma resposta