BRASÍLIA – Um incidente quase termina em pancadaria na manhã de hoje em Brasília.

Isso porque o deputado federal Jean Wyllys, segundo depoimento de populares, furou a fila do cinema sob alegação de ser uma autoridade, o que irritou muitos dos presentes.

O que Wyllys não esperava, é que o senador Aécio Neves estivesse aguardando na fila e questionou o fato do deputado haver passado na frente de várias pessoas mediante o argumento acima mencionado.

Se fosse por isso, eu também furaria a fila”, disse o senador.

A fila, que dobrava o quarteirão, era para assistir ao filme “Os dez mandamentos”, dirigido pelo Bispo Edi Macêdo, sucesso absoluto de bilheteria.

Após alguns minutos de bate boca entre os parlamentares, muitos dos presentes, que acreditavam equivocadamente que a fila seria para participar de uma entrevista de emprego, saíram do local, permitindo, desse modo, que todos os interessados em ver a película pudessem entrar sem ter que aguardar na fila.

Deixe uma resposta