Holywood – A senadora Gleisi Hoffmann, por meio de sua assessoria jurídica, enviou na última semana uma notificação extrajudicial ao escritório brasileiro do Netflix se queixando da semelhança entre uma personagem do seriado Orange is new black com sua pessoa.

Segundo a senadora, há fortes indícios de que a personagem principal teria sido inspirada em sua vida, pois, conforme disse no documento, “além das semelhanças físicas, muitos creem que o fato de ter um esposo preso me colocaria na iminência de também ser presa em breve, o que aumentaria ainda mais as semelhanças com  a ficção.”

“Quiseram disfarçar, colocando o nome da personagem como “Chapman”, muito parecida com “Hoffman”. E o fato de ser uma personagem que cumpre pena em regime fechado, justo no momento em que muitos de meus correligionários estão indo para o xilindró, evidencia ainda mais a alusão. Não acredito em coincidências”, ressaltou.

Especialistas em seriados de TV e criminologia concordam que realmente há muitas semelhanças entre a parlamentar e a personagem, mas ressaltam que pode ser mera coincidência.

“O fato de ter vários amigos presos e parecer fisicamente com a personagem, por si só, não dá a ela o direito de se queixar.”

O sistema de distribuição de vídeos por streaming, Netflix, nega as acusações, dizendo que são descabidas.

“Gleisi ainda nem foi presa”, disse o advogado da empresa.

 

3 COMMENTS

  1. O que é a vida, né? Depois da bancada do grelo duro reclamar que as mulheres estavam sendo discriminadas, a “República de Curitiba” resolveu iniciar o preenchimento da cota pela Gleisi. A futura presidiária sentiu-se muito lisonjeada com esse gesto e já prepara uma lista de “amiguinhas” para compartilharem a mesma ala carcerária. O maridão vai na frente para preparar a recepção. Coisa de gente fina!

  2. Quanto as variadas narrativas PETISTAS:
       “””Golpe”””, com toda certeza, é um clichê  publicitário, é frase-pronta, imagem estereotipada e montada a priori (nessa altura, provavelmente, recomendada por algum marqueteiro, tal qual João Santana. Semelhante a ele. Senão, ele próprio): frases clichês tais quais: “Danoninho vale por um bifinho”

Deixe uma resposta