BELÉM DO PARÁ – O fim da Banda Calypso, segundo opinião unanime dos críticos musicais, é um dos eventos mais traumáticos para o universo fonográfico terrestre, ao lado do fim dos Beatles, a morte dos Mamonas Assassinas e a desintegração do Exaltasamba.

A história do fim da banda, programada para acontecer em dezembro próximo, está longe ter um fim e surpreendeu os fãs da boa música popular brasileira esta semana com um episódio inesperado.

O guitarrista da banda paraense confirmou com exclusividade à revista Rolling Stones e ao site Jornalismo Destemido que foi convidado para substituir o guitarrista Kiko Loureiro na banda de heavy metal, Megadeth.

Chimbinha não quis dar maiores detalhes sobre o convite, mas declarou que “sempre fui muito fã do Megadeth e desde o início da minha carreira eu sonhava em tocar junto com eles. Cheguei até a convidá-los para fazer uma participação no último DVD da Calypso, mas por questões de agenda. Não rolou”.

O guitarrista também avaliou que sua entrada na banda poderá incrementar o som do Megadeth com elementos do carimbó e do tecno-brega, “algo realmente inovador n o mundo do heavy metal”, diz.

Chimbinha ainda não confirmou se aceitará o convite, embora tenha dado indícios a respeito da confirmação.

Já Kiko Loureiro, nega que tenha recebido convite para tocar na Banda calypso.

2 COMMENTS

  1. A imprensa sensacionalista quer saber o que o Chimbinha anda fumando pra dizer tanta bobagem
    Kiko disse que não sabe de nada e completou :” Foi um lapso do ex-calypso”.

Deixe uma resposta