jean-rosarioBrasília – No meio da polêmica causada pela aprovação da diminuição da Maioridade Penal para 16 anos, diversas propostas surgem para tentar barrar a aprovação deste projeto.

Uma das propostas, bem inusitadas, veio do polêmico Deputado Jean Wyllys e têm apoio da Deputada Maria do Rosário e de diversas entidades de direitos humanos. Segundo essa proposta, o ideal seria punir os menores infratores tirando o PS4 e limitando o tempo de permanência desses menores na piscina. Algumas sugestões como deixar os infratores olhando para a parede por 15 minutos foram descartadas, por ferir a integridade humana das crianças.

“É preciso deixar bem claro que os menores que não cometerem crimes poderão continuar jogando videogame e frequentando a piscina livremente”, explica Jean Wyllys.

Já a Deputada Maria do Rosário é mais enérgica: “Alguns jogos como Super Mário e GTA não poderão ser jogados por menores sem habilitação, pois esses jogos emulam a direção perigosa e isso pode ser perigoso para esses futuros motoristas. Imagine, atropelar alguém pode inclusive levar ao óbito dessa criança que é o futuro do Brasil”, diz a deputada, num tom meio confuso.

Entidades de apoio aos direitos humanos entretanto, dizem que tirar o PS4 pode causar mais violência, pois os menores teriam mais tempo pra estuprar amiguinhos e comprar armas, diz um funconário da ONG Aborto Feliz.

Deixe uma resposta