Presidente Venceslau – O detento Marco Aurélio das Neves, vulgo Paçoquinha de Itaquá, postou nessa quarta-feira uma foto com seus colegas de cela. Paçoquinha quis fazer deste post um protesto contra as más condições e velocidades baixas da 4G e péssimos serviços de telefonia dentro do presídio.

“Levou quase dois minutos pra fazer este post no facebook e o skype quase não funciona”, diz o detento. O jeito é a gente usar o zapzap, se referindo ao serviço Whatsapp. “O wifi aqui do presídio também é bem lento, conseguimos a senha, mas é tudo muito precário.”, completa Marcelo de Rego Melo, o Lindão de Guarulhos.

Lindão é famoso por pegar geral no Tinder, e já está agendando encontros com algumas garotas para visitas íntimas ou para daqui há 6 meses, quando terá liberdade. “Algumas novinha vem aqui no presídio mermo pra gente finalizá as idéia”, diz lindão, mostrando fotos de algumas menores que ele guarda no celular.

Segundo eles, a baixa qualidade do sinal de telefonia impede que eles façam acordos de comércio internacional de drogas e exerçam suas atividades financeiras. Ambos já pensam inclusive em processar o estado pelas péssimas condições de telefonia móvel e acesso a internet nos presídios.

Porém, estão confiantes, pois Dilma acaba de anunciar velocidades de 25 Megas até 2018: “Pá nóis do crime vai facilitá muito, mandar um salve pro partido. A tecnologia veio pra ficá, toda contabilidade do tráfico hoje está no cloud”.

 

Deixe uma resposta